Google+ Badge

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Nossos pequenos e a tecnologia

        Muita gente diz que as crianças de hoje nascem com um chip, pois elas tem uma facilidade incrível para aprenderem a manusear aparelhos celulares, computadores, smartphones, tablets, iphones entre outros. 
       Meu pai fica admirado em ver que seus netos manuseiam a tecnologia com muita facilidade, enquanto ele sente dificuldade em domar um simples celular. As crianças já nascem em meio a muita tecnologia, e essa convivência diária faz com que elas desenvolvam uma grande intimidade com o mundo tecnológico. 
      A tecnologia está presente em nosso cotidiano, desde a hora em que acordamos até quando vamos dormir, se pararmos para pensar, acordamos com o despertador do celular e dormimos depois de passar o dia verificando e-mails, descontraindo nas páginas de relacionamento, usando microondas, dirigindo em ruas com semáforos, entre outras coisas. O mundo é voltado para a tecnologia, o que facilita e agiliza muito a nossa vida, aí me pergunto, como nossas crianças não vão se tornar tão íntimas a essa modernidade?
       Minha filha de 2 anos e meio e meu sobrinho de 4 anos, adoram os joguinhos de celular, eles brincam e jogam juntos, cada um no seu (das mães), com seus gostos e níveis de dificuldade. Confesso que troquei o meu celular antigo, que apenas fazia e recebia ligações e mensagens, por um mais moderno porque minha filha adorou os joguinhos no celular de minha irmã (mãe do meu sobrinho). Mas ela não passa o dia grudada ao aparelho, apenas pede em alguns momentos, joga alguns minutos e logo cansa. No começo era eu quem colocava o joguinho, hoje ela mesmo acessa. Claro que tudo com minha supervisão, sou eu quem baixo os joguinhos e ela que decide qual quer jogar. O aparelho não é dela, acredito que existe um momento certo, a ser observado pelos pais, para que as crianças possuam seus próprios aparelhos.
       O mundo anda, cada dia mais, num ritmo acelerado com relação a tecnologia, muitas escolas usam tblets com programas avançados dentro da sala de aula, como seu material de ensino. Como privar nossos filhos disso tudo? Se não apresentarmos e ensinarmos a eles como usar tudo isso, como dizem meus pais " o mundo ensina" e é aí que vem as dificuldades. O uso correto e dosado desses equipamentos faz bem a todas as pessoas, sejam elas adultas, crianças ou idosos, as crianças só necessitam de um cuidado maior dos pais, controle de acessos da internet, controle de tempo no uso dos aparelhos, supervisão dos pais, e até mesmo usar os aparelhos para brincarem juntos. Claro que não devemos esquecer que criança precisa correr, andar de bicicleta, subir em árvore, desenhar, pular e brincar, brincar muito para se desenvolver com saúde. 
       Confesso que me assusta em pensar que existe muitas crianças que não sabem ler, escrever, amarrar os sapatos, usar o vaso sanitário, mas tiram de letra e viram de ponta cabeça aparelhos tecnológicos. Por isso vamos prestar atenção e aprender a manusear esses aparelhos, porque já existem muitos filhos ensinando seus pais, o que eles fazem com a maior facilidade e são umas graças.